Aplicativos

Cinco sinais de que seu dispositivo Android está infectado com malware

1

Parece que os malwares para Android estão se espalhando em um ritmo acelerado. No segundo semestre de 2012 a Bitdefender identificou um aumento de 292% em relação ao primeiro semestre do ano. Isso poderia representar uma ameaça para milhões de usuários de smartphones em todo o mundo.

Os malwares para Android estão se tornando cada vez mais difíceis de se detectar até mesmo para os hardusers então temos que ficar de olho na segurança. Tentando ajudar os usuários pelo menos identificar uma possível infecção seguem alguns indícios da de malwares:

1. Bateria com duração estranhamente baixa.

Sabemos que a autonomia de bateria para dispositivos com Android sempre foi e ainda é considerada o calcanhar de Aquiles. Mas todo usuário sabe, baseado nos aplicativos que são utilizados, quanto tempo sua bateria dura, então fique atento, se sua bateria dura em média de 8 a 10h e de repente essa autonomia cai, pode estar certo de que algum aplicativo que foi instalado recentemente trouxe para o seu dispositivo algum malware. O Grande problema é que o malware pode estar escondido, fingindo ser uma aplicação regular, então fique esperto a drenagem anormal da bateria pode muitas vezes indicar a presença de um malware.

2. Queda de chamadas e interrupções.

Alguns malwares podem afetar as chamadas em curso ou de entrada. Chamadas que caem ou interrupções estranhas durante uma conversa também podem indicar a existência de malware. Então culpe sua operadora de celular, verifique junto a ela se existe algum problema em sua localidade ou rede. Caso não haja nada de anormal seu dispositivo pode estar infectado por um malware. Se não for problema de sua operadora, é possível que alguém ou alguma coisa está tentando espionar conversas ou realizar outras atividades suspeitas.

3. Contas de telefone com cobranças indevidas ou não identificadas.

Muitas vezes os dispositivos infectados podem enviar sem que você saiba SMS (mensagens de texto) para números pré-definidos. Embora estes efeitos sejam facilmente identificados em sua conta, o estrago já foi feito. Afinal de contas você terá que entrar em contato, explicar pra atendentes que na maioria das vezes não tem conhecimento técnico e isso por si só já faz com que percamos a paciência. Um malware pode enviar uma mensagem SMS apenas uma vez por mês, para evitar suspeitas e podem se desinstalar depois de fazer um rombo em seu orçamento. Se você usa um plano mensal onde exista limites de envio de mensagens de texto fique alerta.

4. Consumo excessivo do plano de dados.

Assim como o envio de SMS um malware pode drenar seu plano de dados, capturando informações do usuário e transferindo tais dados para um local específico a todo momento, isso gera um aumento no tráfego de dados aumentando assim o valor final em sua conta. Levando em consideração que nossos planos de dados só tem o “ilimitado” no nome, tal infecção pode gerar um alto consumo dando um susto no usuário quando ele receber a próxima fatura da operadora.

5. Desempenho sofrível.

Dependendo das especificações do seu dispositivo um malware pode causar sérios problemas de performance, enquanto ele tenta ler, escrever ou transmitir dados de seu smartphone. Qualquer um que já teve um PC infectado com malware deve estar familiarizado com isso. Imagine que reiniciar um dispositivo várias vezes ao dia porque o malware consome todo processamento e ainda concorre com os aplicativos qu e já existem. Então a queda de desempenho é mais um sinal de que um malware pode estar presente no seu dispositivo. Verifique a utilização da memória RAM e o uso da CPU pode revelar a presença de malware que está sendo executado ativamente no aparelho.

Fique seguro, seja consciente.

As versões Android mais visados pelos malware são os mais comuns – Gingerbread 2.3, Ice Cream Sandwich 4.0 e 4.1 Jelly Bean. Os usuários do Android com estas versões possuem uma chance de 88% de ter seu telefone celular infectado.

Caso você encontre um malware em seu Android, existem duas coisas que podem ser feitas:

1. Exclua imediatamente o aplicativo. Mas se depois de remover o aplicativo o malware continuar a causar algum tipo de problema, o ideal neste caso é reiniciar completamente o seu smartphone entrando no menu de configurações -> redefinir -> restaurar padrão de fábrica. Isso fará com que seu dispositivo Android seja “zerado” como se você tivesse ligando ele pela primeira vez.

Existe uma variedade enorme de aplicativos de segurança pagos e gratuitos que estão disponíveis na GooglePlay para ajudar a prevenir tais aplicativos de fazer coisas ruins. Se você usa seu smartphone Android para o trabalho você precisa ter um bom aplicativo que monitore seu dispositivo.

Em geral, é prudente examinar cada permissão de um aplicativo Android pede – mas isso geralmente é o que ninguém faz, até passar por um problema com malware. Não deixe de ler as permissões que cada aplicativo pede antes de instalar qualquer aplicativo.

Fonte: Read Write

KEMCO Games, maior produtora de jogos RPG para Android, anuncia desconto de até 88% em seus jogos!

Previous article

Sony lança Xperia ZQ no Brasil

Next article

You may also like

More in Aplicativos

1 Comment

  1. todos estes sintomas podem ocorrer não por virus mais tb por aplicativos ruim, tipo o do facebook que chega a ser irritante aqui as vezes , bem que nas ultimas versões tem sido melhor !!

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *